Talentos Círculo

Uma das maiores vantagens de trabalhar em um ambiente compartilhado é o networking que ele proporciona. Trabalhar em um espaço coworking é estar cercado de profissionais competentes que podem te auxiliar, caso necessário.

O Círculo conta com um time de profissionais talentosos que escolheram nosso espaço para expandir seus negócios sem se preocupar com nada além de desempenhar um ótimo trabalho.

Conheça alguns dos nossos coworkers e suas histórias abaixo:

lavinia 1.jpg

Lavinia Castelo

A primeira formação da Lavinia é Advocacia, mas a paixão pela moda permitiu que ela descobrisse o trabalho de consultoria de imagem e estilo. Hoje ela une os dois ofícios mesclando as análises de processos e idas a audiências às construções de brandings para profissionais autônomos e empresas, permitindo que descubram sua imagem própria, sua identidade.

carol.jpg

Carolina Nascimento

Arquiteta de formação, a Carolina trabalha com revestimentos de todos os tipos. Porcelanatos, pastilhas e um amplo seguimento de texturas para parede e pisos, dos modelos mais simples aos mais elaborados

edson 2.jpg

Edson Miranda

Edson comanda desde 2012 a InfoEds, empresa de tecnologia especializada na implantação de sistemas, treinamento personalizado e suporte técnico na gestão comercial. Também atua como business coach na start-up Modelgem do sucesso, que auxilia micro e pequenos empresários a expandir suas empresas através da gestão estratégica.

guillermo.jpg

Guillermo Rico

Com carreira baseada na tecnologia, Guillermo migrou há 10 anos para a área comercial, que o levou até o Chile, onde trabalhou por 4 anos. De volta ao Brasil, hoje atua na empresa Supria, especializada na implementação de um software da Microsoft específico para gestão de projetos e portfólios.

logo.png

SEO Master

Criada em 2008, a SEO Master é uma empresa especializada em SEO (Search Engine Optimization). Todos esses anos no mercado trouxeram para a empresa conhecimento e pleno domínio das técnicas de SEO, além de grande relevância na web. Pioneiros, eles trabalham com o conceito de Search Experience (experiência de busca), proporcionando aos clientes as melhores experiências e os resultados mais assertivos de busca.

39874955_1011298645706885_1142518956382784443_n.jpg

STOP & FLY

A STOP&FLY é uma Agência de Viagens que tem como proposta atender todos os seus clientes com eficiência, conforto e segurança. Atua desde 1994 no mercado e tem uma equipe de profissionais da área preparados para planejar, organizar e coordenar todos os tipos de viagem, oferecendo preços competitivos e atendimento personalizado.

45417242_963528440513640_8566683702331376305_n.jpg

Yuri Oliveira

Cerimonialista com foco em casamentos, o Yuri acredita que as cerimônias devem traduzir a personalidade dos noivos. Dessa forma, trabalha para que o evento mais sonhado esteja ao alcance do orçamento de seus clientes.

sensum 3.jpg

Sensum Studio

Os arquitetos Danilo e Renan resolveram trabalhar juntos, pois acreditam na força da colaboração e nos diferenciais que tornam o Sensum único. Formados há pouco tempo, mas inseridos no mercado desde o início da faculdade, eles acreditam que a arquitetura é uma ferramenta capaz de criar uma representação dos sonhos de cada cliente e torná-los reais.

Está esperando o quê para fazer parte do time Círculo também?

20 ferramentas que vão te ajudar a administrar seu negócio

office-3295556.jpg

O maior desafio dos empreendedores é estar por dentro de tudo que acontece em seu negócio. Isso ainda piora quando se está começando e é necessário responder e-mails, garantir que o website funcione perfeitamente, organizar projetos, manter contato com seus clientes e evitar se distrair com mídias sociais e ferramentas que só o tornam tudo menos produtivo.

A Internet não só permite a procrastinação. Ela também oferece soluções para empreendedores ocupados: há inúmeras ferramentas e serviços que foram criados para ajudá-lo a organizar sua vida e negócios, para se concentrar em fazer o trabalho que importa.

Listamos abaixo 20 dessas plataformas que facilitarão ainda mais seu trabalho:

 

Gerenciamento de projetos e trabalho em equipe

 Trello

O Trello é uma ferramenta gratuita de gerenciamento de projetos que ajuda a se organizar. A plataforma mostra uma placa na qual você pode criar listas cheias de cartões. Quando se abre um cartão, é possível adicionar comentários, fazer upload de arquivos, criar listas de verificação e muito mais.

É muito versátil, o que permite que seja usado para muitos tipos diferentes de coisas: organizar um projeto específico, escrever um e-book, criar um curso por e-mail, etc. Trello realmente ajuda você a manter uma visão panorâmica dos seus projetos além de auxiliar com ferramentas de delegação e colaboração para equipes remotas.

 

Google Docs

O Google Docs é uma ferramenta essencial para trabalhar em um arquivo com várias pessoas. Todos podem adicionar ou remover texto, revisar o conteúdo e dar comentários para outras pessoas verem. Você também pode ver quem mais está trabalhando no documento e conversar com eles, por isso é excelente para execução de projetos em equipe, além de ser uma grande ajuda para pessoas que ficam confusas quando há várias versões de um trabalho em andamento.

 

Asana

Asana é outra ferramenta para gerenciar seus projetos de forma mais eficaz. Funciona com tarefas, projetos, conversas e painéis. O trabalho em equipe nunca foi tão fácil. Você pode transformar conversas em tarefas práticas, fornecer comentários sobre as ações de outras pessoas e ver imediatamente o progresso alcançado sem precisar agendar reuniões.

 

Slack

O Slack é um bate-papo bonito e uma ferramenta de comunicação incrível para equipes. Seu design suave é de longe o melhor que você encontra. Mesmo sendo relativamente novo, já é muito popular.

Você pode criar vários canais para discutir diferentes tópicos ou pode ter uma conversa particular. O Slack também permite compartilhar arquivos e localizar facilmente mensagens, notificações e arquivos. Tudo é sincronizado automaticamente em todos os seus dispositivos e você pode conectá-lo facilmente a outros aplicativos, como o WordPress ou o Skype.

 

Armazenamento

Dropbox

O Dropbox é ótimo para armazenamento e backups. Tem uma enorme quantidade de aplicativos de plugins incríveis para melhorar sua experiência. Além disso, fornece aplicativos para todos os dispositivos, o que significa que você pode acessar seus arquivos de qualquer lugar.

 

Inspiração

 

Momentum

Momentum é um aplicativo de substituição de página inicial projetado para inspirar e auxiliar a manter o foco durante todo o dia de trabalho. Quando você abre seu navegador, o Momentum o recebe pelo nome com uma imagem e uma frase inspiradoras.

 

Spotify

Já falamos aqui que ouvir música realmente ajuda a manter o foco e a produtividade no trabalho. É claro que isso não funciona com todo mundo, mas para algumas pessoas é essencial.

O Spotify é um ótimo app para encontrar a música certa para cada momento. Nele é possível escolher o que deseja ouvir ou ser surpreendido. O ideal é descobri que tipo de música mantém você focado, alerta e inspirado.

 

Design Gráfico

99 Designs

99 Designs é um site que reúne clientes e designers por meio de concursos para criar logos, sites e blogs, cartões de visita, capas de livro, aplicativos móveis, camisetas e outros produtos. Basta preencher um resumo do projeto, comprar um pacote e lançar um concurso. Designers de todo o mundo podem se inscrever, criar um ou mais projetos e enviá-los para você. Depois de receber os resultados, você pode escolher o melhor e eleger o vencedor.

Canva

O Canva é uma plataforma de design gráfico online com utilização bem intuitiva e ferramentas fáceis de utilizar. Além de possuir uma biblioteca de mais de um milhão de fotografias, gráficos e fontes para escolher, o Canva oferece acesso gratuito a uma ampla variedade de ferramentas e opções de design. É possível criar qualquer coisa, desde capas de livros a infográficos.

O Canva oferece um pacote gratuito de ferramentas de design para criar anúncios de mídia social, anúncios, infográficos, belos slides, revistas e muito mais.

 

Fiverr

Fiverr é uma plataforma para contratação de profissionais freelancers que oferece design gráfico rápido, traduções, aprimoramento de SEO, cartões de visita e qualquer outra coisa por valores a partir de $ 5.

Estratégia

 

Google Analytics

Não importa o quão genial e criativo um empreendedor é, precisa de dados para tomar decisões financeiras e de negócios corretas. O Google Analytics oferece uma visão geral rápida ou um aprofundamento sobre quem são realmente seus clientes, o que eles gostam de você, como desativá-los e como otimizar para obter mais conversões e gastar seu dinheiro de marketing com mais sabedoria.

 

Google Trends

Um excelente primeiro passo para descobrir o que está em alta e em demanda lá fora. Esta é uma ferramenta muito simples para descobrir o que as pessoas estão falando e procurando online, se o interesse em algo está aumentando ou diminuindo, e se há tráfego suficiente na web para começar a construir uma campanha de SEO ao redor.

 

LinkedIn

O LinkedIn é uma mina de ouro para empreendedores iniciantes. É uma plataforma poderosa para a construção de uma audiência, recrutamento direcionado, networking e acesso direto a investidores anjos.

 

Typeform

O Typeform é um serviço gratuito para para criar pesquisas impressionantes. O intuito da ferramenta é criar formulários on-line para obter feedback clientes. As pesquisas chatas provavelmente serão ignoradas, o que dificulta saber se está indo na direção certa, mas as pesquisas bonitas, claras e otimizadas para celular do Typeform podem ajudar a obter o feedback necessário, sem esforço extra.

 

Pagamentos

PayPal

O Paypal é como se fosse uma conta bancária gratuita, uma conta de comerciante e um processador de cartão de crédito, permitindo que você faça pagamentos de forma instantânea e rápida e forneça reembolsos. O PayPal também oferece agora uma variedade de ferramentas de POS, bem como empréstimos para pequenas empresas e linhas de crédito.

 

Sites e blogs

WordPress

Há um monte de construtores de sites e ferramentas de blogging por aí hoje, mas o WordPress ainda roda a maior parte da web. É grátis configurar seu próprio site ou blog, além de ser um dos mais fáceis de usar e vir com uma enorme quantidade de plugins. Um ótimo ponto de partida para testar sua ideia de negócio e começar a ganhar força.

Comunicação com o cliente

Skype

O Skype é a ferramenta perfeita para fazer chamadas gratuitas, gravar podcasts, realizar reuniões e conduzir sessões de vídeo. Sem dúvida uma ótima opção para que empreendedores possam se comunicar com seus clientes e parceiros.

 

Boomerang

O Boomerang for Gmail permite agendar o envio de e-mails para mais tarde. Isso é perfeito para dar a si mesmo tempo para pensar antes que sua resposta seja divulgada, para enviar e-mails para os investidores e para direcionar mensagens de marketing para o local certo na hora certa para seus possíveis clientes. A ferramenta também ajudar você a escrever melhores e-mails. Isso é feito classificando sua mensagem em vários fatores, incluindo nível de leitura, duração, nível de positividade e permanência no assunto.

 

Sidekick

O Sidekick é um complemento de e-mail brilhante que é desenvolvido para informar se alguém abriu um e-mail que você enviou. Ele mostra quando, quantas vezes e de onde o destinatário abriu seu email.

Isso pode ser muito útil quando você experimenta uma nova campanha de marketing ou inicia um boletim informativo, pois permite observar o comportamento das pessoas e aprender com isso!

 

Leadlovers

É uma plataforma de automação de marketing que oferece uma variedade de serviços para empresas e empreendedores, incluindo a criação de páginas de vendas, páginas de captura de leads e páginas de recompensas, a partir de layouts existentes que podem ser personalizados pelo cliente. Além da criação de Landing Pages, eles também oferecem serviços de sequenciamento de e-mail (para agendar a entrega para sua base) e ferramentas para criar Áreas de Membros.

 

 

30 termos que todo novo empreendedor precisa conhecer

No mundo dos negócios há uma infinidade de siglas e termos, muitos em inglês, que todo empreendedor vai se deparar. Algumas palavras são mais conhecidas, outras mais específicas. O fato é que todo bom empreendedor precisa estar acostumado com elas. É por isso que hoje listamos 30 dessas expressões que quem está começando a empreender precisa conhecer:

 

Aceleradoras

Empresas que auxiliam os empreendedores a construir e desenvolver suas startups. Geralmente elas oferecem contribuição técnica, financeira e mentorias para levar as empresas a estágios avançados.

 

Aporte

Contribuição financeira realizada em benefício de uma empresa para uma determinada finalidade.

 

B2B

Business to Business: negócios de empresa para empresa. O público-alvo são outras empresas.

 

B2C

Business to Customer: negócios direcionados ao consumidor final. O público-alvo são os consumidores.

Bootstrapping

O próprio empreendedor financia os gastos, ideias, pagamentos e projetos da sua empresa, sem receber ajuda do capital externo ou de outras instituições.

 

Break-even

Ponto de equilíbrio em que os custos da empresa são iguais às suas receitas. No Break-even tudo que a empresa recebe paga somente as despesas, o lucro acaba sendo nenhum.

 

Capital de giro

Recursos utilizados para cobrir os custos do dia a dia da empresa e para sustentá-la entre o pagamento de despesas e o recebimento da receita de clientes.

 

Captação de recursos

Obter investimentos, seja por meio de empréstimos bancários, agências de fomento, fundos de investimentos ou investidores-anjos.

 

CEO

Chief Executtive Officer: diretor-executivo, responsável pelas estratégias e pela visão da empresa.

Contrato Social

Contrato social é o documento necessário para a constituição de sociedades limitadas. Trata-se basicamente da certidão de nascimento da empresa e precisa ser registrado na Junta Comercial do Estado ou Cartório de Pessoas Jurídicas.

Conversão

Está relacionado às vendas e acontece quando o consumidor compra um produto, contrata um serviço ou realiza alguma ação desejada pela empresa.

 

Coworking

Nosso termo preferido. Trata-se de um espaço de trabalho compartilhado por diversas empresas, que se relacionam e trocam conhecimentos.

 

Crowdfunding

Conseguir capital através de financiamento coletivo, em geral de pessoas físicas interessadas na iniciativa.

 

Crowdsourcing

Forma de conseguir serviços/ajuda de modo colaborativo para geração de conteúdo, solução de problemas, desenvolvimento de novas tecnologias, geração de fluxo de informação e afins.

 

DealBreaker

É o ponto exato que impede que uma negociação seja fechada, é o momento da quebra de um acordo e um dos maiores medos dos empreendedores.

 

Early stage

Estágio inicial. As empresas que se encontram em Early Stage são as que têm até 3 anos de existência.

 

Elevator pitch

Apresentação da ideia de um negócio em aproximadamente 30 segundos. O tempo que uma pessoa passaria no elevador.

Investidor-anjo

Os angels são profissionais experientes que têm capital disponível para investir em novos empreendimentos. Em troca desse capital, esperam um percentual da empresa investida.

 

Lead

Para o marketing digital, significa um potencial consumidor que demonstrou interesse em consumir um produto ou serviço de uma empresa.

Meetup

São encontros informais sobre determinado assunto, abertos à comunidade, que têm o objetivo de abrir espaço para a formação de equipes, troca de ideias e experiências. 

 

MEI

Sigla para ‘Micro Empreendedor Individual‘, é a pessoa que trabalha por conta própria e se legaliza como empresário.

 

Networking

Ter ou estabelecer uma rede de contatos. Fazer networking é uma ótima forma de ampliar a qualidade de seus relacionamentos e transformá-los em benefício mútuo no meio profissional.

 

PME

É a sigla para pequenas e médias empresas. Uma pequena empresa possui de dez a 49 funcionários. Já uma empresa de médio porte possui entre 50 e 249 funcionários.

 

ROI

Sigla da tradução de ‘Retorno sobre Investimento’, corresponde a um percentual da quantidade de dinheiro ganho em relação à quantidade de dinheiro investido.

 

Royalties

É o valor que se cobra pelo uso do nome e estrutura de uma empresa para os seus franqueados.

 

Seed capital

Capital semente, aquele capital que se capta quando o negócio está em sua fase inicial, para que ele possa dar seus primeiros passos no mercado.

 

SEO (Search Engine Optimization)

Conjunto de práticas e estratégias que buscam melhorar o posicionamento de sites e e-commerces em mecanismos de busca como o Google.

 

Spin-off

Criação de uma nova empresa criados inicialmente a partir de um projeto em uma empresa-mãe. Geralmente, os empreendedores do novo negócio trabalharam antes no desenvolvimento desse projeto na empresa-mãe, que gerou o spin-off.

 

Stakeholders

Stakeholders são todos os impactados pelo negócio, sejam eles sócios, acionistas, funcionários, clientes ou segmentos da sociedade.

 

Startups

Startup é uma empresa jovem com um modelo de negócios repetível e escalável, em um cenário de incertezas e soluções a serem desenvolvidas. O que a difere das empresas comuns é a inovação.

8 Dicas para uma reunião de sucesso

A escolha do local é um dos fatores primordiais para o sucesso de uma reunião

A escolha do local é um dos fatores primordiais para o sucesso de uma reunião

A reunião é a oportunidade ideal para apresentar produtos e serviços, propostas, fechar negócios e até mesmo ampliar o networking. Qualquer que seja sua função, uma reunião bem executada pode gerar resultados muito positivos, por isso antes de sair marcando a sua, aconselhamos que você siga essas 8 dicas:

1. Prepare-se:

Toda reunião bem-sucedida depende de um preparo anterior, por isso estude. Ainda que o cliente esteja dando todos os indícios de interesse em seu produto ou serviço e o negócio pareça fechado, é mais que necessário se preparar. Pesquise quem é o seu cliente, descubra o que ele tem feito, como é seu perfil e de acordo com os dados adquiridos será possível montar uma proposta personalizada, que atenda todos os seus critérios e que dificilmente será recusada.

2. Deixe bem claro o objetivo da reunião:

Desde o início estabeleça o objetivo da reunião e a duração da mesma. Dessa forma o tempo será otimizado e nenhum tópico será esquecido. O maior erro de iniciar uma reunião sem estabelecer os objetivos e delimitar o tempo é chegar ao fim e perceber que os assuntos mais importantes não foram discutidos. Outro erro do não planejamento é falar muito em tópicos que não há tanta necessidade, tornando a reunião maçante e tediosa.  

3. Tenha foco no que interessa, negócios:

Durante a reunião é possível que seu cliente fale de assuntos que não têm nenhuma relação com os pontos a serem abordados no encontro. Sua tarefa é não permitir que esse tipo de conversa se estenda. É claro que em alguns momentos, principalmente nos primeiros minutos, falar sobre o tempo, futebol, atualidades possa ser um bom quebra-gelo, mas não permita que isso se torne recorrente. Esteja sempre no controle e traga o cliente para o foco principal, seu produto ou serviço.

4. Anote tudo que é importante:

Claro que você não vai passar a reunião inteira de cabeça baixa anotando todas as palavras que o cliente está dizendo, mas procure assinalar suas declarações mais importantes. Essa é uma forma de mostrar que se importa com o que ele pensa, com o que é relevante para ele.

5. Traga conhecimento:

Procure levar alguma informação relevante para a reunião. Um artigo, dados estatísticos interessantes, notícias atuais, algo que agregue conhecimento e mostre que você sabe com propriedade o assunto que está discutindo. É necessário que seu cliente saia com a sensação de ter aprendido algo, do contrário, a reunião parece não ter rendido e você pode sair como despreparado.

6. Fale, mas também saiba ouvir:

Não fale o tempo todo, mas também não fique calado. Até mesmo em uma reunião cujo o foco é vender é necessário ouvir o que o cliente fala. Procure saber quais são suas necessidades, suas maiores dificuldades e com base nisso sugira soluções para esses problemas que envolvam o produto/serviço que você está apresentando.

7. Defina o próximo passo:

É importante que ao final da reunião você defina os próximos passos. Isso é indispensável para que o negócio flua, não fique estagnado e continue caminhando para o fechamento.

8. Escolha muito bem o local:

A última e mais importante dica para uma reunião bem-sucedida é o local. Escolha muita bem o ambiente em que o encontro será realizado. Opte por um espaço bem localizado, de fácil acesso e com um aspecto que agrade aos olhos do seu cliente. O Círculo Coworking dispõe de três modelos de sala de reunião. A Coach, para duas pessoas, a atitude, para quatro e a ação, para até 12 pessoas. Os ambientes do Círculo se adaptam perfeitamente à sua necessidade e tem toda a estrutura para encantar de vez seus clientes.

Economia Circular: repense o desperdício

scrapyard-2441432.jpg

Antes de descobrir o que é a economia circular é necessário entender o processo econômico linear, em prática há quase 200 anos no mundo todo.

No processo linear, a maneira como os produtos são produzidos e consumidos é basicamente a mesma. Independente do que está sendo fabricado, o primeiro passo é a extração de matéria-prima na natureza. Mais tarde, essa matéria-prima é levada até uma fábrica onde será transformada em produto final. Os produtos são postos à venda e após a compra são utilizados pelos consumidores. Alguns itens são feitos para durar por muitos anos, mas a maioria tem uma vida útil programada cada vez mais curta. Mesmo aqueles mais complexos e caros, seguem a lógica da obsolescência programada. Ou seja, um tempo de uso muito curto. Esse tipo de economia se baseia em extração, consumo e descarte.

Já falamos aqui que em 2018 o planeta Terra atingiu seu dia de sobrecarga em 1º de agosto. A cada ano que passa esse dia chega mais cedo. Isso significa que anualmente o ser humano gasta recursos do planeta em um ritmo que a Terra é incapaz de repor. Não é preciso ser ambientalista para saber que esse tipo de produção despreocupada com o desgaste dos recursos naturais não tem como se sustentar por muito tempo.

É aí que entra a ideia de economia circular, que visa redefinir o crescimento, trazendo inúmeros benefícios para a sociedade. Entre os ideais da economia circular estão a redução, reutilização e a reciclagem de elementos. O objetivo é minimizar a produção e encorajar a reutilização dos elementos que não podem retornar ao meio ambiente.

Ou seja, a economia circular promove o uso do maior número de materiais biodegradáveis quanto possível na fabricação de produtos. Dessa froma, permite que os resíduos voltem à natureza sem causar danos ambientais ao final da vida útil desses produtos.

No caso da indústria de eletrônicos, hardware e baterias, em que não é sempre possível utilizar materiais ecologicamente corretos na fabricação, o objetivo é dar-lhes uma nova vida, reintroduzindo-os no ciclo de produção e criando uma nova peça. Quando todas essas opções não forem possíveis, os produtos serão reciclados de maneira respeitosa com o meio ambiente.

Os três princípios da Economia Circular são:

-Eliminar resíduos e poluição por princípio

-Manter produtos e materiais em ciclos de uso

-Regenerar sistemas naturais

É possível dizer que economia circular imita a natureza no processo de produção. E como na natureza não há desperdício, nesse tipo de economia a meta é reintegrar os produtos no ciclo de nascimento, crescimento e morte.

Adotar a economia circular não é apenas reduzir os impactos negativos da economia linear. Pelo contrário, representa uma mudança no sistema que gera oportunidades comerciais e econômicas e proporciona benefícios no meio ambiente e na sociedade.

Empresas que começaram a adotar o modelo circular:

Energizer

As baterias são difíceis de reciclar, graças à sua complicada química, fazendo com que elas sejam classificadas como materiais perigosos. É por isso que cerca de 180.000 toneladas de baterias acabam nos aterros dos EUA todos os anos. Atualmente, a maioria das baterias é reduzida em materiais para a construção de estradas e tampas de aterros sanitários.

Energizer fez algumas das primeiras incursões na aplicação de princípios econômicos circulares às suas baterias, tendo produzido a EcoAdvanced - a primeira bateria do mundo feita com 4% de baterias recicladas.

Coca-Cola

Em seu aniversário de 100 anos a Coca-Cola firmou uma parceria com a empresa Verallia para derreter os vidros de suas garrafas. O vidro derretido foi utilizado para a criação de novas embalagens, demonstrando um reaproveitamento de 100%.

Apple

Todas as lojas da Apple aceitam produtos da marca para reciclagem. O Apple Renew oferece créditos aos clientes que trouxerem aparelhos de celular antigos, para que eles consigam comprar aparelhos novos por valores mais baixos.

Outras empresas como Danone, Renault, Nike, Philips, Google e Unilever têm parceria com a fundação Ellen MacArthur, especializada em difundir e apoiar a mudança das empresas para o modelo circular.

A economia circular nasce pensando o processo onde a linear parou. O pós-consumo. Nada mais pode ser desenhado para ser jogado fora, afinal, não existe fora. Todos os produtos passam a ser pensados para no final da vida útil serem reintegrados à produção. Através do processo circular o conceito de lixo deixa de existir, e junto com ele todos os problemas ambientais que ele gera.

Gostou do post? Quer saber mais sobre economia circular? Acesse o site da Fundação Ellen MacArthur.

Oceano Azul: A estratégia da Inovação

dock-1979547_1920.jpg

Conhecida também como a estratégia da inovação, a visão de Oceano Azul foi criada por W. Chan Kim e Renée Mauborgne e apresentada no livro “Blue Ocean Strategy”, publicação que se tornou um grande sucesso de vendas. Em resumo, o livro apresenta caminhos para inovar e se manter livre de concorrência, prosperando em mercados inexplorados, longe do oceano vermelho, onde ficam os mercados existentes em que a estratégia de sobrevivência é lutar contra o grande número de concorrentes.

De acordo com W. Chan Kim, A Estratégia do Oceano Azul nasceu da questão: “Existe um padrão para a criação e captura de espaço de mercado incontestado? E, se sim, o que é isso?” Para responderem a essas perguntas os dois pesquisadores estudaram mais de 150 movimentos estratégicos de mais de 30 indústrias ao longo de 15 anos e chegaram à conclusão de que as empresas precisavam focar em mercados inexplorados.

Mas o que seriam esses mercados inexplorados? E como fazer para inovar? Essa estratégia estimula que um negócio comece a inovar através de novos mercados aumentando o valor ao mesmo tempo em que diminui os custos. Para isso, deve se utilizar o modelo das 4 ações:

4 AÇÕES.jpg

Reduzir:

O que pode ser diminuído? O número de empregados? Número de serviços? Essa é a hora de definir quais atributos podem ser reduzidos bem abaixo do padrão setorial. Um exemplo que os autores citam no livro e que nos guiará ao longo desse post é o caso do Cirque du Soleil, companhia canadense que revolucionou o mundo dos espetáculos circenses. Comparando o Cirque du Soleil aos Circos convencionais podemos notar a redução dos tipos de atrações. Enquanto nos circos tradicionais há uma gama de temas e números separados, o novo circo elabora um tema geral que norteia todos os números em uma só apresentação.

Eliminar:

Aqui deve-se definir quais atributos considerados indispensáveis pelo setor devem ser eliminados. O Cirque du Soleil eliminou as diversas histórias e também os números com animais, por exemplo.

Elevar:

Nesse ponto é necessário decidir quais atributos serão elevados bem acima dos padrões setoriais. No caso do Cirque du Soleil, eles elevaram nos números únicos, muito mais elaborados, mais longos e sempre novos. Houve elevação também nos figurinos, agora mais ricos em detalhes. Os efeitos de luz e som melhores (música ao vivo durante as apresentações) e ambientação mais aconchegante também fizeram parte dessa elevação.

Criar:

Aqui é necessário responder à pergunta principal: O que não fazemos hoje que precisamos passar a fazer? Este é o ponto crucial para o processo de inovação. É a hora de oferecer ao mercado algo que nunca se viu. No Cirque de Soleil os números passaram a fazer parte de um enredo único, uma só história.

Utilizando essa estratégia o Cirque du Soleil conseguiu desbravar o oceano azul e se livrou da batalha constante contra os concorrentes. Está esperando o quê para adotar o modelo das quatro ações no seu negócio? Esse post é só um resumo de tudo que esse modelo de ação significa. Se estiver interessado em aprofundar os conhecimentos nessa estratégia, acesse o site oficial da publicação. Lá você encontra tudo que precisa saber e ainda se depara com depoimentos de pessoas que utilizaram o método e obtiveram sucesso.

Por: David Prado